TERRA DE BOM ESPUMANTE!

Quando há umas semanas encontrei o amigo Agostinho Peixoto, na apresentação do livro “The Portuguese Travel Cookbook” no World Travel & Food Summit, e lhe contei que ía voltar a Veade, em terras de Basto, a primeira coisa que ouço deste bracarense apaixonado por Pudim Abade de Priscos e por tudo o que é bom vinho foi:

“Fazes bem, é terra de bons espumantes!”

Que é terra de bons vinhos verdes não tenho a menor dúvida, não fosse o D. Diogo Arinto sinónimo de amigo lá de casa, mas de bons espumantes…não sei… (desculpe-me Agostinho mas tratando-se de comidas e bebidas rejo-me pelo principio “comer e beber para crer”!)

Confesso que ainda não provei o Quinta da Raza Espumante, produzido pelos vizinhos, mas já me sinto em contagem decrescente para o fazer, e a medalha Verde Prata dos Melhores Verdes 2015 deixa-me ainda mais curiosa!

Espumantes à parte, para os amigos do baco, dos vinhos, dos verdes, de Basto e dos vinhos verdes lá de Basto, fica outra dica útil – o Modestu’s foi premiado “Best Of”, principal categoria do concurso da Comissão Vitivinícola da Região dos Vinhos Verdes, tendo sido escolhido por um “júri internacional composto por especialistas provenientes dos principais mercados de exportação”.

Anúncios